Home Posts ASSALARIADOS E ASSALARIADAS  DO CAMPO COMEMORAM 1 ANO DE LUTA DA NOVA...

ASSALARIADOS E ASSALARIADAS  DO CAMPO COMEMORAM 1 ANO DE LUTA DA NOVA ORGANIZAÇÃO SINDICAL

 
O Movimento sindical dos trabalhadores e trabalhadoras rurais comemora um ano de nascimento da Confederação Nacional do Trabalhadores Assalariados e Assalariadas Rurais (CONTAR), que foi fundada em 2015.  A nova entidade nasceu fruto da luta e organização do campo e um processo de dissociação da CONTAG. Desde 2015 os trabalhadores e trabalhadoras estão organizados nos seguimentos de agricultura familiar e assalariados rurais.

Plenária de criação da CONTAR. Várias pessoas no auditório da CONTAG.
Criação da CONTAR em 2015

A fundação da CONTAR em 31 de outubro de 2015, através de um congresso extraordinário dos trabalhadores assalariados do Brasil, elegeu a sua direção com garra e disposição para avançar na luta da nova organização sindical do campo. Antonio Lucas Filho, preside a CONTAR, nessa primeira gestão da entidade. Para o  canavieiro e sindicalista, “a organização sindical dos assalariados deu novo fôlego para os trabalhadores e trabalhadoras que precisa avançar na organização sindical. Foi um avanço para nós e para o movimento sindical brasileiro a criação da CONTAR”, comemora Antonio Lucas, nesse primeiro ano da criação da entidade.
A CONTAR foi criada com apoio das duas maiores centrais sindicais brasileiras, CUT e CTB, além de várias lideranças sindicais da américa latina e da direção da CONTAG –Confederação nacional dos trabalhadores na agricultura.
“Os grandes desafios nós já estamos superando, já temos nossa estrutura física e estamos andando o Brasil na organização de sindicatos de assalariados e as novas federações. Nesse processo estamos também garantindo o protagonismo das mulheres assalariadas em todas nossas organizações”, disse Antonio Lucas Filho, presidente da CONTAR.
Nesse primeiro ano de luta da criação da CONTAR, a direção da entidade afirma  que os propósitos de garantir a formalidade no emprego de todos os trabalhares do campo e o combate ao trabalho escravo e infantil, são as grandes bandeiras da entidade. “A saúde, segurança do trabalho e salários dignos, são bandeiras principais da nossa entidade, que hoje completa um ano de luta e teremos muitos desafios”, disse Antonio Lucas.
A CONTAR nasceu com a experiência acumuladas de vários dirigentes sindicais do campo. O presidente Antonio Lucas Filho, é um migrante, que cortou cana muitos anos no município de Santa Helena  de Goiás-GO, e conhece a realidade dos assalariados brasileiros. Ele e toda direção da CONTAR, tem grandes experiências que acumularam durante anos de luta na organização sindical. A CONTAR também se junta a várias outras entidades, na defesa da reforma agrária no Brasil.
Apesar do reconhecimento e da organização existente há um ano, Antonio Lucas Filho, disse que o Ministério do Trabalho ainda não emitiu o Registro Sindical da CONTAR. Para essa questão do registro, a entidade quer parceria com todas centrais sindicais e dos sindicatos que já estão com registro no M.T.E.  “Sem o registro sindical do Ministério do Trabalho, fica difícil a implementação das políticas planejadas pela CONTAR” disse Lucas.
 
CONTATO:
Antonio Lucas Filho
Tel – 61 – 998303413
Email – lucas@contar.org.br
 
 
 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment -

Mais Lidas